domingo, 22 de junho de 2014

Pálido, doente, rendido, decadente


Na sexta-feira, postei a foto acima no instagram e compartilhei no facebook. Imediatamente, começaram a surgir comentários nas duas redes e também mensagens por lá, sms, ligações e até mensagens no Twitter (onde eu nem havia compartilhado nada sobre o assunto).

Quero, antes de tudo, agradecer a todos. Todos que me desejaram melhoras, que falaram comigo nesses últimos dias. Obrigado pelas palavras, força e tudo mais. Gostei bastante das mensagens, me surpreendi com muitas delas, meus olhos chegaram a lacrimejar (e nem foi efeito da fotofobia! rs) – Ok, humor negro não é meu forte, isso foi péssimo.

Aos que me perguntaram: Não, não fui espancado. Não, não fui atropelado. E sim, é conjuntivite. Pra ser mais específico, conjuntivite infecciosa do tipo viral. Isso que dá enfrentar “tempestades de terra” por dias seguidos, e não tomar os devidos cuidados depois (bom, acho que ESSA foi a causa, até porque não sou de ficar coçando/esfregando os olhos, principalmente na rua. Sempre fui cuidadoso nesse aspecto, então acredito que tenha sido todo esse “vento + terra” mesmo). Todos os sintomas já caminhavam para esse lado, não seria muito difícil diagnosticar.

Quem já teve algo parecido, sabe o quanto é chato. Isso tudo é novidade pra mim (nunca tive), mas até que estou “tirando de letra”. Já me acostumei (mentira) com os olhos vermelhos, o inchaço, a visão embaçada, a sensação de "areia" nos olhos, as dores que aparecem de vez em quando na região, as (MUITAS, muitas mesmo) lágrimas involuntárias, a sensibilidade à luz, o desconforto, além dos outros sintomas que têm me atormentado. Isso sem falar na dificuldade para abrir os olhos quando acordo, na rotina forçada de compressas de água gelada ("Pupila congelada / Já não sabia mais de nada.." ) e medicamento, no cuidado triplicado, nas cinco milhões de vezes que tenho lavado mãos e olhos por dia e, claro, no fato de eu me achar um monstro cada vez que me olho no espelho – sinceramente, tenho me achado muito parecido com aqueles personagens demoníacos da série “Supernatural”. Credo!

Ah! E eu queria entender a galera que CURTIU as fotos nessas redes. Queria entender o motivo dos likes. Foi pra mostrar que viram, foi por solidariedade, foi porque “gostaram” de me ver doente, ou me acharam “bonito” nas fotos, ou simplesmente por causa do trecho da música da Pitty na legenda? Hahahahaha Como estou numa fase de esperar sempre o melhor das pessoas, prefiro acreditar que foi uma “forma sem palavras de também me desejar melhoras e tudo de bom sempre”. Pode ser? Nesse caso, obrigado a vocês também, gente. ;p

Brincadeiras à parte, melhor eu parar de escrever, até porque a luz do computador já está incomodando. Nem posso ficar muito por aqui (outro fato MUITO ruim nisso tudo). Logo quando preciso separar fotos para um trabalho, e tenho aulas do curso e um monte de coisas a fazer – pro Lado B. também, e etc. É, não suporto ficar parado. Principalmente quando sou FORÇADO a isso. Mas... chega de reclamar, né? Pelo menos isso está acontecendo agora, em junho. Seria pior se acontecesse em julho (meu aniversário será daqui a exatamente um mês) ou agosto, haha.

Obrigado pela preocupação de muitos. 
E aos amigos que se desesperaram: CALMA, gente! rsrs 

Na medida do possível, estou bem, eu acho. Ou vou ficar. Tudo tem seu tempo. Procuro nem pensar nas sequelas na córnea, que esse tipo de conjuntivite pode deixar, senão vou acabar pirando. Estou aparentemente pior que nas fotos de sexta (nem me atreverei a tirar selfies como esses acima), mas vou levando numa boa. Não é um bicho de sete cabeças. Talvez, em uma semana, eu já esteja 100%. E assim espero. Amém. Talvez demore um pouco mais. Não sei, vou levando. “Bora fazendo”, como diria Inês Brasil.

Sou muito grato a todo mundo. Principalmente minha mãe, minha família, amigos, esse povo que tem aturado minha impaciência nesse tempo (e o fato de eu estar 3 vezes mais chato). Alguns, em especial, acompanharam tudo desde o início, e me ajudaram (e continuam ajudando) de uma forma que nem devem imaginar. Não citarei nomes, mas esses saberão exatamente quem são. Obrigado, novamente, a todos, no geral, pelas mensagens e pelo carinho – e vou parando de vez, porque isso já virou uma novela.

Beijos e abraços.



postado por Bruno Souza.
Domingo, 22 de junho de 2014. 17:00




http://bit.ly/camisetasLadoB




Um comentário:

  1. Que bom que você está melhor coiso. Fico feliz e tranquilo.

    ResponderExcluir

 
Copyright © 2013 LADO B. - Traduzido Por: Templates Para Blogspot
Design by FBTemplates | BTT